Fogo: está quase a abrir em Lisboa o restaurante onde só se cozinha com lenha

O projeto do chef Alexandre Silva apenas irá servir jantares. Há sugestões de carne, peixe e legumes para experimentar.

Depois de alguns meses de atraso, aqui está um dos restaurantes mais esperados do ano em Lisboa. O Fogo é o mais recente projeto de Alexandre Silva, o chef responsável pelo Loco, que conta com uma estrela Michelin. A abertura está marcada para a próxima quarta-feira, 11 de dezembro. Neste dia, o espaço apenas irá estar a funcionar ao jantar, com um menu totalmente preparado a lenha.

Em tachos com mais de 80 quilos, no espeto, na grelha ou no forno, aqui tudo é preparado com fogo. A cozinha é aberta e conta com uma área de confeção com quatro metros, que foi pensada pelo próprio chef. Dali vão sair sugestões de carne, peixe, marisco e até legumes.

Os produtos nacionais e biológicos serão os mais usados nesta cozinha, bem como sugestões de pequenos produtores. Não haverá um menu fixo já que o objetivo é mesmo usar os ingredientes da época e o que de melhor se encontra todos os dias no mercado.

O restaurante fica no número 57 da Avenida Elias Garcia. Na cozinha, Alexandre Silva irá contar com o chef residente Manuel Liebaut, que faz parte da equipa do Loco desde 2016, e o sous-chef Ronald Sim, que passou pelo Burnt Ends, em Singapura, um restaurante que já foi considerado um dos melhores do mundo a cozinhar com fogo. O Fogo terá ainda direito a uma zona de bar. Aqui as propostas serão preparadas por João Bruno, que irá desenvolver vários cocktails de autor.

É tudo preparado a lenha.

Alexandre Silva passou pelos restaurantes Bocca e Bica do Sapato, em Lisboa, mas foi no Loco que conseguiu trazer uma nova estrela para a cidade em 2017. Antes disso esteve também na abertura do restaurante do hotel de cinco estrelas Alentejo Marmoris. O chef tem também um espaço no Mercado da Ribeira.

O restaurante Fogo estava previsto abrir no início de 2019, mas só agora em dezembro é tudo ficará concluído. No passado verão, o chef levou um pouco do conceito até à Comporta. Foi um jantar de antecipação na praia com várias pontos de fogo colocados na areia onde foram preparados os diferentes pratos.

O chef Alexandre Silva já tem uma11/Foto de Paulo Barata.

Agora em Lisboa o Fogo irá estar a funcionar durante todo o dia. Irá estar a servir almoços entre as 12h30 e as 16 horas, e jantares entre as 19h30 e a meia-noite. Aos domingos irá funcionar entre as 12h30 e as 17 horas.

Nas últimas semanas, na página de Instagram do restaurante e também na de Alexandre Silva já foram publicadas algumas imagens do novo restaurante.

 

Fonte: Nit

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *