Projecto “Be My Friend” ajuda na adopção através da fotografia

Projecto Be My Friend criado por João Azevedo, fotógrafo profissional de retrato, já ajudou patudos de diversas associações e canis a ganharem um novo lar, através da arte da fotografia.

Em entrevista para o Sou Portugal, João Azevedo contou como o projecto surgiu e quais são os planos do Be My Friend. Confira!

 

 

Sou Portugal – Como surgiu o Be My Friend e por qual motivo resolveu criar esse projecto?

João Azevedo / Be My Friend – O Be My Friend surgiu para tentar ajudar nas adopções dos patudos, através da arte da fotografia. Já fazia fotografias de animais em ambiente de estúdio, gostava bastante do resultado final e decidi experimentar fazer numa Associação. A ideia era fotografar os animais como se estivessem em estúdio, sem se perceber que estavam num canil.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sou Portugal – Há quanto tempo o projecto existe?

João Azevedo / Be My Friend – A primeira sessão fotográfica foi em 2015, no Refúgio do Ruff, mas o projecto só arrancou em força em Julho de 2019. Pelo meio ainda tentei ir fotografar a outros sítios, mas não tive grande receptividade e o projecto acabou por ficar adormecido.

 

Sou Portugal – O projecto recebe algum tipo de apoio governamental ou independente (patrocínio)?

João Azevedo / Be My Friend – O projecto não tem apoios governamentais nem patrocínios oficiais. Tem o apoio de algumas pessoas que fazem donativos e contribuições mensais. Já permitiu fotografar em associações que não podiam pagar a deslocação.

 

Sou Portugal – Como o projecto impacta positivamente a vida das pessoas?

João Azevedo / Be My Friend – Eu diria que o projecto será mais impactante na vida dos animais, mas também tem feito a diferença na vida de algumas pessoas, ao permitir que descubram o seu novo melhor amigo.

 

 

Sou Portugal – Como as pessoas podem ajudar o Be My Friend?

João Azevedo / Be My Friend – Podem ajudar o Be My Friend de várias formas. A mais simples de todas, é seguir a conta de Instagram, @bemyfriendpt, fazer like nas fotografias e comentar. Deste modo, as publicações terão mais alcance, aumentando as hipóteses de aparecer algum adoptante para aquele patudo. As partilhas da publicação ou o envio para outras pessoas, também ajuda.
Podem ainda apoiar o projecto monetariamente através do Patreon (€1/mês), onde terão acesso às fotografias de making of.

 

Sou Portugal – Quais os planos para o futuro do Be my Friend?
João Azevedo / Be My Friend – Quero que o projecto continue a crescer e que seja cada vez mais fácil encontrar quem adopte os patudos. Gostaria que o website bemyfriend.pt fosse a principal ferramenta de adopção em Portugal. Há outras ideias para o projecto, que quero por em prática, mas não posso revelar para já.

Conheça mais aqui o Be My Friend:

www.bemyfriend.pt

Instagram.com/bemyfriendpt

 

Fotos: João Azevedo

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *