Cães, gatos e companhia: o Pet Festival está de volta

O Pet Festival – maior evento do país dedicado aos animais de companhia – regressa nos dias 1, 2 e 3 de fevereiro à FIL, em Lisboa. As raças de cães portuguesas certificadas e a competição em que cães saltam para a água estão em destaque.

Cães a dar saltos para a água? Raças de cães portuguesas certificadas? Um concurso de gatos? Outro de furões? Tudo isto e muito mais vai estar em destaque na 8.ª edição do Pet Festival, dito como o maior evento do país dedicado a animais de companhia, nos dias 1 a 3 de fevereiro, na FIL, Parque das Nações, em Lisboa.

O tema desta edição é «Não à solidão, tenha um animal de estimação» e pretende chamar a atenção para a «importância que os animais de companhia têm para as crianças», posicionando o evento como um «fator de aproximação entre gerações, sendo extensível a toda a família, incluindo os mais idosos», explica o Pet Festival em comunicado.

A forma como os animais de companhia ajudam as pessoas «a ultrapassar a solidão e o sedentarismo» refletir-se-á num conjunto de histórias e testemunhos reais, contados em murais espalhados pelo recinto do festival. Vai haver muitos animais de companhia, sim, mas também pequenos mamíferos, répteis, peixes, aves, cavalos e animais de quinta.

 

Raças portuguesas e saltos para a água

Uma das novidades deste ano é a Vila do Cão Português, onde o Clube Português de Canicultura terá um espaço exclusivamente dedicado às 11 raças nacionais certificadas, desde as mais conhecidas às mais recentes, como a do Cão do Barrocal Algarvio. Nesse espaço os visitantes poderão conhecer melhor cada uma das raças, especialmente quando estiverem presentes vários clubes de raça e criadores, no dia 3 de fevereiro.

Outra das novidades será a divulgação da competição de Dock Diving, que consiste em colocar cães a dar saltos, o mais longe possível, para a água numa piscina. Esta modalidade, ainda pouco desenvolvida no país, pratica-se no Monte dos Vendavais, um hotel de animais em Tires e «o único em Portugal que promove esta competição a um alto nível», diz o mesmo comunicado.

Quem quiser habilitar o seu cão a participar pode levá-lo à piscina do hotel no Pet Festival, onde se realizará um concurso com prémio de 1500 euros para o cão que saltar mais longe. Antes disso, o cão deve treinar no recinto, podendo inscrever-se se se revelar apto. Esta competição já existe nos EUA, em Inglaterra e noutros países da Europa, envolvendo grandes prémios monetários.

O Concurso Internacional de Felinos, o I Concurso Internacional de Furões, o Dog Talent (onde os cães podem mostrar as suas habilidades e coreografias), um concurso de Agility (modalidade em que os cães devem percorrer um percurso no menor tempo possível) e ainda um concurso internacional de gatos são outros dos atrativos da 8.ª edição do Pet Festival.

A organização – que diz que este foi primeiro festival de recinto coberto a autorizar os visitantes a fazerem-se acompanhar do animal de companhia – registou mais de 40 mil visitantes na edição do ano passado, que se fizeram acompanhar de seis mil animais de companhia. Em exposição estiveram mais de três mil animais.

 

Fotos: DR e MyPet Photography

Fonte: Evasões

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *