Aveiro: Feira de Março arranca dia 23, sem copos descartáveis e palhinhas de plástico

A 585.ª edição do certame ficará marcada pela aposta em reduzir a pegada ecológica. Xutos e Pontapés, Anselmo Ralph e Jimmy P. estão entre os artistas confirmados.

 

A edição deste ano da Feira de Março, certame secular aveirense, irá banir os copos descartáveis e as palhinhas de plástico. Nos pontos de venda de bebidas do recinto (Parque de Feiras e Exposições de Aveiro), apenas deverão estar disponíveis palhinhas em papel. O objectivo passa por reduzir a pegada ecológica, anunciou o líder da autarquia, Ribau Esteves, na apresentação do programa da 585.ª edição da Feira de Março. Arranca no próximo dia 23 e volta a apostar nos ingredientes de sempre: exposição comercial, zona de restauração e parque de diversões (com 50 divertimentos).

Esta tentativa de fazer do certame “um evento ambientalmente sustentável” culminará, ainda, com o lançamento do “copo Feira de Março 2019”. Ou seja, os visitantes terão a oportunidade de adquirir um copo reutilizável, “pelo preço de 0,50 euros”, para usarem na feira as vezes que entenderem – e no final, podem levá-lo para casa.

A esta acção junta-se, também, a campanha ambiental que será desenvolvida em parceria com a ERSUC – Resíduos Sólidos do Centro. Todos os feirantes são convidados a separar o lixo, sendo-lhes disponibilizados recipientes para o efeito, sendo que essa recolha irá traduzir-se num apoio financeiro a uma instituição de solidariedade social do município de Aveiro.

O certame, que se estende até 25 de Abril, deverá atrair cerca de 700 mil pessoas – na edição de 2018 foram contabilizados 680 mil visitantes –, parte delas atraídas pelo cartaz de concertos musicais. Na edição deste ano, estão confirmados os nomes dos “4eMeia” (dia 23), Paulo de Carvalho (dia 29), Xutos e Pontapés (30), Anselmo Ralph e RFM Dance Floor com Rich e Mendes (5 de Abril) e Piruka (6 de Abril). O cartaz de espectáculos musicais integra ainda o brasileiro Lucas Lucco (12 de Abril), Blaya (13 de Abril), Olavo Bilac (19 de Abril); Jimmy P. (20 de Abril) e Toy (22 de Abril).

À semelhança do que tem vindo a acontecer nas últimas edições, o acesso ao recinto só está sujeito a pagamento nos dias dos concertos – com preços que variam entre os 2 e os 5 euros. Os bilhetes podem ser adquiridos atempadamente através do site do evento.

A organização anuncia a presença de um total de 237 empresas e 24 associações. Os ovos-moles também ali vão ter um cantinho especial, com a presença da Associação Portuguesa dos Ovos Moles de Aveiro. Além dos dez concertos musicais de destaque, estão ainda previstos um total de 100 espectáculos, de folclore, música portuguesa, entre outros. Tudo isto distribuído ao longo de 48.000 metros quadrados, sendo 38.000 ao ar livre e 10.000 em espaço interior.

 

Foto: Lusa/José Sena Goulao

Fonte: Público

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *